Results for: batistuta Search Results
Family Filter:
5:19
An intereview with batistuta.
14 Sep 2006
3504
Share Video

0:08
Milan-Fiorentina Gol di Batistuta
9 Feb 2008
239
Share Video

0:26
Batistuta Goal Inter-Fiorentina 0-1
18 Jul 2008
2830
Share Video

0:11
Gabriel Omar Batistuta Super Goal with Argentina
9 Apr 2008
5045
Share Video

0:07
They won the game, I guess.
2 Apr 2006
70687
Share Video

5:03
A compilation of Gabriels best goals.
21 Sep 2006
19064
Share Video

0:46
this is my best player Bati Goal...
18 Feb 2007
6523
Share Video

0:19
cool
29 Nov 2007
1099
Share Video

0:06
i think he is better than Gabriel Omar Batistuta :P
6 Oct 2007
444
Share Video

0:31
world cup 2002 match and argentina won by only one goal in the 63 min. by batistuta.
29 Apr 2007
4992
Share Video

0:27
Soccer World Cup 1994 is coming - A Rede Globo (também conhecida como TV Globo ou simplesmente Globo) é uma rede de televisão brasileira que iniciou suas atividades no dia 26 de abril de 1965, no Rio de Janeiro. Foi fundada e dirigida pelo empresário Roberto Marinho até sua morte, em 2003, quando passou ao controle de seu filho, Roberto Irineu Marinho. Atualmente, a emissora é uma das maiores de toda a América e a terceira maior do mundo, assistida por 80 milhões de pessoas diariamente.[1][2] A empresa faz parte do grupo empresarial Organizações Globo. A matriz da empresa encontra-se no bairro do Jardim Botânico, no Rio de Janeiro. O departamento de notícias está situado no Jardim Botânico, e seus principais estúdios de produção localizam-se no complexo conhecido como Projac, em Jacarepaguá, na Zona Oeste da cidade.Ayrton Senna da Silva (São Paulo, 21 de março de 1960 — Bolonha, Itália, 1 de maio de 1994) foi um piloto brasileiro de Fórmula 1, três vezes campeão mundial, nos anos de 1988, 1990 e 1991. Foi também vice-campeão no controverso campeonato de 1989 e em 1993. Faleceu em acidente no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, durante o Grande Prêmio de San Marino de 1994.A Copa do Mundo de 1994 foi sediada nos Estados Unidos, apesar da pouca tradição do futebol no país. A Copa 94 também bateu todos os recordes de público, mantido até hoje. Com um futebol extremante eficiente e com um grupo muito unido liderado pelo polêmico craque Romário, a Seleção brasileira conquistou o quarto título mundial. Foi uma copa de surpresas. A Bulgária que até ali em 6 participações anteriores jamais havia vencido um jogo de Copa do Mundo superou grandes favoritos, sendo a 1ª colocada em um grupo que tinha a Argentina, além de eliminar em um jogo emocionante a Alemanha, até então a Campeã mundial, por 2 a 1 nas quartas de final. Outra surpresa foi a Nigéria, com seu futebol ofensivo. Romênia e Suécia também surpreenderam. Os suecos ficaram com o 3º lugar ao derrotar a Bulgária por 4 a 0.A final, entre Brasil e Itália, entrou para a história por dois motivos: Primeiro, por fazer surgir a primeira seleção a conquistar o quarto título mundial (ambos os países já tinham ganho três mundiais). Segundo, porque foi a primeira vez que a final de uma Copa do Mundo foi decidida nos pênaltis. O jogo terminou em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação. A vitória do Brasil veio após uma defesa do goleiro Taffarel e um chute para fora dos italianos Roberto Baggio e Franco Baresi. O Brasil recuperava a coroa e conquistava assim o inédito quarto título da copa do mundo, igualado apenas no mundial de 2006, pela própria Itália, que perdeu para o Brasil nesta final de 1994. O grande destaque da copa foi o "baixinho" Romário, que com seus cinco gols e assistências perfeitas, como aquela em que deu à Bebeto contra os EUA, foi o principal nome brasileiro na Copa. Craque, polêmico, galanteador e boêmio, o baixinho brilhou e confirmou a sua espetácular fase vivida então no Barcelona; a Fifa o escolheu o melhor jogador da Copa de 1994. Na final o Brasil entrou em campo com: Taffarel; Branco, Aldair, Márcio Santos e Jorginho; Dunga(C), Mauro Silva, Zinho e Mazinho; Romário e Bebeto.A Argentina, que tinha Gabriel Batistuta, Claudio Caniggia e Fernando Redondo, caiu prematuramente nas oitavas de final, diante da Romênia de Gheorghe Hagi, Florin Răducioiu e Gheorghe Popescu, por 3 a 2. O escândalo do doping de Maradona, expulso do mundial, foi supostamente decisivo para o desequilíbrio do time que vinha bem até então, entretanto, a seleção argentina só havia enfrentado times fracos, e Maradona só havia feito um gol, contra a inexpressiva Grécia. Mas a grande decepção da copa foi a Colômbia. Credenciada por uma implacável goleada contra a Argentina por 5 a 0, pelas eliminatórias, em plena Buenos Aires, os colombianos chegaram aos EUA com status de favoritos. Só que perderam na estréia para a Romênia por 3 a 1 e perderam o rumo na competição. No jogo seguinte fizeram a festa dos anfitriões perdendo por 2 a 1.A solitária vitória sobre a Suíça por 2 a 0 de nada valeu e a seleção sul-americana que voltou a sua realidade de seleção de porte médio. O Brasil, liderado por Romário, dirigido pela dupla Parreira e Zagallo, foi para a Copa de 94 desacreditado pela difícil campanha nas Eliminatórias. Jogando um futebol burocrático, porém consistente em seu sistema de marcação e obediência tática, a seleção canarinho tinha na dupla de ataque Bebeto e Romário sua principal arma. Ganhou da Rússia por 2 a 0, de Camarões por 3 a 0 e empatou com a Suécia por 1 a 1.
28 Nov 2008
2503
Share Video

1:21
A Rede Globo (também conhecida como TV Globo ou simplesmente Globo) é uma rede de televisão brasileira que iniciou suas atividades no dia 26 de abril de 1965, no Rio de Janeiro. Foi fundada e dirigida pelo empresário Roberto Marinho até sua morte, em 2003, quando passou ao controle de seu filho, Roberto Irineu Marinho. Atualmente, a emissora é uma das maiores de toda a América e a terceira maior do mundo, assistida por 80 milhões de pessoas diariamente.[1][2] A empresa faz parte do grupo empresarial Organizações Globo. A matriz da empresa encontra-se no bairro do Jardim Botânico, no Rio de Janeiro. O departamento de notícias está situado no Jardim Botânico, e seus principais estúdios de produção localizam-se no complexo conhecido como Projac, em Jacarepaguá, na Zona Oeste da cidade.Ayrton Senna da Silva (São Paulo, 21 de março de 1960 — Bolonha, Itália, 1 de maio de 1994) foi um piloto brasileiro de Fórmula 1, três vezes campeão mundial, nos anos de 1988, 1990 e 1991. Foi também vice-campeão no controverso campeonato de 1989 e em 1993. Faleceu em acidente no Autódromo Enzo e Dino Ferrari, em Ímola, durante o Grande Prêmio de San Marino de 1994.A Copa do Mundo de 1994 foi sediada nos Estados Unidos, apesar da pouca tradição do futebol no país. A Copa 94 também bateu todos os recordes de público, mantido até hoje. Com um futebol extremante eficiente e com um grupo muito unido liderado pelo polêmico craque Romário, a Seleção brasileira conquistou o quarto título mundial. Foi uma copa de surpresas. A Bulgária que até ali em 6 participações anteriores jamais havia vencido um jogo de Copa do Mundo superou grandes favoritos, sendo a 1ª colocada em um grupo que tinha a Argentina, além de eliminar em um jogo emocionante a Alemanha, até então a Campeã mundial, por 2 a 1 nas quartas de final. Outra surpresa foi a Nigéria, com seu futebol ofensivo. Romênia e Suécia também surpreenderam. Os suecos ficaram com o 3º lugar ao derrotar a Bulgária por 4 a 0.A final, entre Brasil e Itália, entrou para a história por dois motivos: Primeiro, por fazer surgir a primeira seleção a conquistar o quarto título mundial (ambos os países já tinham ganho três mundiais). Segundo, porque foi a primeira vez que a final de uma Copa do Mundo foi decidida nos pênaltis. O jogo terminou em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação. A vitória do Brasil veio após uma defesa do goleiro Taffarel e um chute para fora dos italianos Roberto Baggio e Franco Baresi. O Brasil recuperava a coroa e conquistava assim o inédito quarto título da copa do mundo, igualado apenas no mundial de 2006, pela própria Itália, que perdeu para o Brasil nesta final de 1994. O grande destaque da copa foi o "baixinho" Romário, que com seus cinco gols e assistências perfeitas, como aquela em que deu à Bebeto contra os EUA, foi o principal nome brasileiro na Copa. Craque, polêmico, galanteador e boêmio, o baixinho brilhou e confirmou a sua espetácular fase vivida então no Barcelona; a Fifa o escolheu o melhor jogador da Copa de 1994. Na final o Brasil entrou em campo com: Taffarel; Branco, Aldair, Márcio Santos e Jorginho; Dunga(C), Mauro Silva, Zinho e Mazinho; Romário e Bebeto.A Argentina, que tinha Gabriel Batistuta, Claudio Caniggia e Fernando Redondo, caiu prematuramente nas oitavas de final, diante da Romênia de Gheorghe Hagi, Florin Răducioiu e Gheorghe Popescu, por 3 a 2. O escândalo do doping de Maradona, expulso do mundial, foi supostamente decisivo para o desequilíbrio do time que vinha bem até então, entretanto, a seleção argentina só havia enfrentado times fracos, e Maradona só havia feito um gol, contra a inexpressiva Grécia. Mas a grande decepção da copa foi a Colômbia. Credenciada por uma implacável goleada contra a Argentina por 5 a 0, pelas eliminatórias, em plena Buenos Aires, os colombianos chegaram aos EUA com status de favoritos. Só que perderam na estréia para a Romênia por 3 a 1 e perderam o rumo na competição. No jogo seguinte fizeram a festa dos anfitriões perdendo por 2 a 1.A solitária vitória sobre a Suíça por 2 a 0 de nada valeu e a seleção sul-americana que voltou a sua realidade de seleção de porte médio. O Brasil, liderado por Romário, dirigido pela dupla Parreira e Zagallo, foi para a Copa de 94 desacreditado pela difícil campanha nas Eliminatórias. Jogando um futebol burocrático, porém consistente em seu sistema de marcação e obediência tática, a seleção canarinho tinha na dupla de ataque Bebeto e Romário sua principal arma. Ganhou da Rússia por 2 a 0, de Camarões por 3 a 0 e empatou com a Suécia por 1 a 1.
26 Aug 2010
2866
Share Video

1:43
A Copa do Mundo de 1994 foi sediada nos Estados Unidos, apesar da pouca tradição do futebol no país. A Copa 94 também bateu todos os recordes de público, mantido até hoje. Com um futebol extremante eficiente e com um grupo muito unido liderado pelo polêmico craque Romário, a Seleção brasileira conquistou o quarto título mundial. Foi uma copa de surpresas. A Bulgária que até ali em 6 participações anteriores jamais havia vencido um jogo de Copa do Mundo superou grandes favoritos, sendo a 1ª colocada em um grupo que tinha a Argentina, além de eliminar em um jogo emocionante a Alemanha, até então a Campeã mundial, por 2 a 1 nas quartas de final. Outra surpresa foi a Nigéria, com seu futebol ofensivo. Romênia e Suécia também surpreenderam. Os suecos ficaram com o 3º lugar ao derrotar a Bulgária por 4 a 0.A Argentina, que tinha Gabriel Batistuta, Claudio Caniggia e Fernando Redondo, caiu prematuramente nas oitavas de final, diante da Romênia de Gheorghe Hagi, Florin Răducioiu e Gheorghe Popescu, por 3 a 2. O escândalo do doping de Maradona, expulso do mundial, foi supostamente decisivo para o desequilíbrio do time que vinha bem até então, entretanto, a seleção argentina só havia enfrentado times fracos, e Maradona só havia feito um gol, contra a inexpressiva Grécia. Mas a grande decepção da copa foi a Colômbia. Credenciada por uma implacável goleada contra a Argentina por 5 a 0, pelas eliminatórias, em plena Buenos Aires, os colombianos chegaram aos EUA com status de favoritos. Só que perderam na estréia para a Romênia por 3 a 1 e perderam o rumo na competição. No jogo seguinte fizeram a festa dos anfitriões perdendo por 2 a 1. A solitária vitória sobre a Suíça por 2 a 0 de nada valeu e a seleção sul-americana que voltou a sua realidade de seleção de porte médio. O Brasil, liderado por Romário, dirigido pela dupla Parreira e Zagallo, foi para a Copa de 94 desacreditado pela difícil campanha nas Eliminatórias. Jogando um futebol burocrático, porém consistente em seu sistema de marcação e obediência tática, a seleção canarinho tinha na dupla de ataque Bebeto e Romário sua principal arma. Ganhou da Rússia por 2 a 0, de Camarões por 3 a 0 e empatou com a Suécia por 1 a 1. Nas oitavas ganhou por 1 a 0 dos Estados Unidos em pleno feriado da independência americana. Nas quartas um grande jogo: Brasil e Holanda. A seleção marca 2 a 0 no segundo tempo. A Holanda reage com Bergkamp e Aron Winter; Branco amplia, 3 a 2 e o Brasil volta às semifinais de uma Copa. A seleção canarinho vence a Suécia com um gol de cabeça do baixinho Romário e 24 anos depois está numa final de copa, novamente contra a Itália. Já a Itália, de Roberto Baggio, teve duas fases distintas: uma campanha razoável na 1ª fase, classificando-se somente no número de gols marcados, em um grupo considerado de nível técnico mediano, com seleções do porte de México, Irlanda e Noruega. Na partida contra a Noruega, houve a primeira expulsão de um goleiro na história das copas, que foi o italiano Gianluca Pagliuca; na fase subseqüente, a partir das oitavas, quando eliminou sucessivamente Nigéria, Espanha e Bulgária, todos por 2 a 1, com Baggio brilhando.A final, entre Brasil e Itália, entrou para a história por dois motivos: Primeiro, por fazer surgir a primeira seleção a conquistar o quarto título mundial (ambos os países já tinham ganho três mundiais). Segundo, porque foi a primeira vez que a final de uma Copa do Mundo foi decidida nos pênaltis. O jogo terminou em 0 a 0 no tempo normal e na prorrogação. A vitória do Brasil veio após uma defesa do goleiro Taffarel e um chute para fora dos italianos Roberto Baggio e Franco Baresi. O Brasil recuperava a coroa e conquistava assim o inédito quarto título da copa do mundo, igualado apenas no mundial de 2006, pela própria Itália, que perdeu para o Brasil nesta final de 1994. O grande destaque da copa foi o "baixinho" Romário, que com seus cinco gols e assistências perfeitas, como aquela em que deu à Bebeto contra os EUA, foi o principal nome brasileiro na Copa. Craque, polêmico, galanteador e boêmio, o baixinho brilhou e confirmou a sua espetácular fase vivida então no Barcelona; a Fifa o escolheu o melhor jogador da Copa de 1994. Na final o Brasil entrou em campo com: Taffarel; Branco, Aldair, Márcio Santos e Jorginho; Dunga(C), Mauro Silva, Zinho e Mazinho; Romário e Bebeto.
2 Dec 2008
4818
Share Video

3:17
Pesquisa elege os 11 maiores craques da seleção de todos os tempos.Em 1996, PLACAR ouviu 64 jornalistas, ex-jogadores estrangeiros e técnicos do Brasil em Copas e elegeu nossos 11 maiores craques.O Rei do futebol, única unanimidade Pelé foi o único a receber todos os 64 votos possíveis daquele colégio eleitoral. Não era para menos: afinal, o Rei cabeceava, lançava, driblava, fazia gols. Tudo com a mesma perfeição. Além disso, foi o jogador que mais gols marcou por uma Seleção em todos os tempos (95). O mais jovem a levantar a taça (17 anos e 8 meses, na Suécia, em 1958). E o único a vencer três Copas do Mundo até hoje.esmo jogando só a final de 1958, Djalma Santos foi apontado como o melhor lateral da competição.Domingos da Guia foi tão absoluto no Brasil que, para ter um companheiro à altura, foi preciso deslocar Carlos Alberto Torres para a zaga.o centroavante Leônidas da Silva de fora da Seleção de todos os tempos. Com 24 indicações, o inventor da bicicleta ficou à frente de monstros sagrados como Romário (14 votos), Ademir de Menezes (quatro), Vavá, bicampeão do mundo (um voto); e Arthur Friedenreich,Nílton Santos tinha técnica e dominava a arte de driblar como poucos atacantes.Garrincha sempre foi um semideus do futebol brasileiro, abaixo apenas de Pelé.Didi era um jogador clássico.Até a Copa do Mundo de 1950, nenhum jogador havia sido chamado de gênio. Zizinho mudou essa história.A Associação de Estatísticos de Futebol (AFS), situada na Inglaterra, escolheu os 100 melhores jogadores de futebol do mundo. Uma lista, que na minha opinião não está má, ela está péssima! Maradona como 6º melhor do mundo deve ser uma anedota! Para criar esta lista, a organização criou um sistema de pontuação, onde os atacantes são premiados por golos marcados e os defesas por jogos sem sofrer golos. Os jogadores desta lista conquistaram também pontos extras por títulos conquistados, partidas como capitães e o nível em que jogaram. Talvez por isso esta lista ser constituída desta forma! Apenas estas regras podiam ditar tais posições! Aqui está o top, que na minha opinião, não mostra a ordem dos melhores do mundo. Para isso, teriam que se usar outros quitérios.1.Pelé (Brasil)2.Ronaldo (Brasil)3.Romário (Brasil)4.Luís Figo (Portugal) 5.Zinedine Zidane (França)6.Diego Maradona (Argentina)7.Lothar Matthäus (Alemanha)8.Gerd Müller (Alemanha) 9.Franz Beckenbauer (Alemanha) 10.Cafu (Brasil) 11.Roberto Carlos (Brasil) 12.Marco van Basten (Holanda)13.Michel Platini (França)14.Rivaldo (Brasil) 15.Paolo Maldini (Itália)16.Zico (Brasil)17.Raúl (Espanha)18.Ruud Gullit (Holanda)19.Eusébio (Portugal)20.Ferenc Puskas (Hungria)21.Johan Cruyff (Holanda)22.Alfredo di Stefano (Argentina)23.Bobby Charlton (Inglaterra)24.Jürgen Klinsmann (Alemanha)25.Kenny Dalglish (Escócia) 26.Ali Daei (Irã)27.Karl-Heinz Rummenigge (Alemanha)28.Gabriel Batistuta (Argentina)29.Michael Laudrup (Dinamarca)30.Hristo Stoichkov (Bulgária)31.Dennis Bergkamp (Holanda) 32.Frank Rijkaard (Holanda)33.Thierry Henry (França)34.Pavel Nedved (República Checa)35.Gheorghe Hagi (Romênia)36.Peter Schmeichel (Dinamarca) 37.Andrei Shevchenko (Ucrânia)38.Sepp Maier (Alemanha)39.Didier Deschamps (França)40.Lilian Thuram (França) 41.Enzo Francescoli (Uruguai)42.Hakan Sukur (Turquia)43.Paolo Rossi (Itália) 44.David Beckham (Inglaterra)45.Jean-Pierre Papin (França) 46.Kevin Keegan (Inglaterra)47.Marcel Desailly (França) 48.Oliver Kahn (Alemanha)49.Alessandro Costacurta (Itália)50.Clarence Seedorf (Holanda)51.Dino Zoff (Itália) 52.Patrick Kluivert (Holanda)53.Jari Litmanen (Finlândia)54.Daniel Passarella (Argentina)55.Bixente Lizarazu (França)56.Gary Lineker (Inglaterra)57.Ronaldhino (Brasil) 58.Sylvain Wiltord (França)59.Bebeto (Brasil)60.Alessandro Del Piero (Itália) 61.Davor Suker (Croácia)62.Ryan Giggs (País de Gales)63.David Trezeguet (França)64.Demetrio Albertini (Itália) 65.Patrick Vieira (França)66.Jürgen Kohler (Alemanha)67.Laurent Blanc (França)68.Michael Owen (Inglaterra) 69.Youri Djorkaeff (França)70.Frank de Boer (Holanda)71.Emilio Butragüeño (Espanha)72.Hugo Sánchez (México) 73.Rudi Völler (Alemanha)74.Djalma Santos (Brasil)75.Giacinto Facchetti (Itália)76.Kanu (Nigéria)77.Franco Baresi (Itália)78.Gianni Rivera (Itália) 79.Roberto Baggio (Itália)80.Oscar Ruggeri (Argentina)81.Gheorghe Popescu (Romênia)82.Jon D. Tomasson (Dinamarca) 83.Raymond Kopa (França)84.Carlos Valderrama (Colômbia)85.Rui Costa (Portugal)86.Gary Neville (Inglaterra) 87.Edgar Davids (Holanda)88.Taffarel (Brasil)89.Paul Scholes (Inglaterra) 90.Diego Simeone (Argentina)91.Bryan Robson (Inglaterra)92.Roy Keane (Irlanda)93.Brian Laudrup (Dinamarca) 94.Henrik Larsson (Suécia)95.Fabien Barthez (França)96.Michael Ballack (Alemanha)97.Jan Koller (República Checa)98.Edwin van der Sar (Holanda) 99.Robert Pires (França)100.Johan Neeskens (Holanda)
2 Dec 2008
2847
Share Video

6:07
Pesquisa elege os 11 maiores craques da seleção de todos os tempos.Em 1996, PLACAR ouviu 64 jornalistas, ex-jogadores estrangeiros e técnicos do Brasil em Copas e elegeu nossos 11 maiores craques.O Rei do futebol, única unanimidade Pelé foi o único a receber todos os 64 votos possíveis daquele colégio eleitoral. Não era para menos: afinal, o Rei cabeceava, lançava, driblava, fazia gols. Tudo com a mesma perfeição. Além disso, foi o jogador que mais gols marcou por uma Seleção em todos os tempos (95). O mais jovem a levantar a taça (17 anos e 8 meses, na Suécia, em 1958). E o único a vencer três Copas do Mundo até hoje.esmo jogando só a final de 1958, Djalma Santos foi apontado como o melhor lateral da competição.Domingos da Guia foi tão absoluto no Brasil que, para ter um companheiro à altura, foi preciso deslocar Carlos Alberto Torres para a zaga.o centroavante Leônidas da Silva de fora da Seleção de todos os tempos. Com 24 indicações, o inventor da bicicleta ficou à frente de monstros sagrados como Romário (14 votos), Ademir de Menezes (quatro), Vavá, bicampeão do mundo (um voto); e Arthur Friedenreich,Nílton Santos tinha técnica e dominava a arte de driblar como poucos atacantes.Garrincha sempre foi um semideus do futebol brasileiro, abaixo apenas de Pelé.Didi era um jogador clássico.Até a Copa do Mundo de 1950, nenhum jogador havia sido chamado de gênio. Zizinho mudou essa história.A Associação de Estatísticos de Futebol (AFS), situada na Inglaterra, escolheu os 100 melhores jogadores de futebol do mundo. Uma lista, que na minha opinião não está má, ela está péssima! Maradona como 6º melhor do mundo deve ser uma anedota! Para criar esta lista, a organização criou um sistema de pontuação, onde os atacantes são premiados por golos marcados e os defesas por jogos sem sofrer golos. Os jogadores desta lista conquistaram também pontos extras por títulos conquistados, partidas como capitães e o nível em que jogaram. Talvez por isso esta lista ser constituída desta forma! Apenas estas regras podiam ditar tais posições! Aqui está o top, que na minha opinião, não mostra a ordem dos melhores do mundo. Para isso, teriam que se usar outros quitérios.1.Pelé (Brasil)2.Ronaldo (Brasil)3.Romário (Brasil)4.Luís Figo (Portugal) 5.Zinedine Zidane (França)6.Diego Maradona (Argentina)7.Lothar Matthäus (Alemanha)8.Gerd Müller (Alemanha) 9.Franz Beckenbauer (Alemanha) 10.Cafu (Brasil) 11.Roberto Carlos (Brasil) 12.Marco van Basten (Holanda)13.Michel Platini (França)14.Rivaldo (Brasil) 15.Paolo Maldini (Itália)16.Zico (Brasil)17.Raúl (Espanha)18.Ruud Gullit (Holanda)19.Eusébio (Portugal)20.Ferenc Puskas (Hungria)21.Johan Cruyff (Holanda)22.Alfredo di Stefano (Argentina)23.Bobby Charlton (Inglaterra)24.Jürgen Klinsmann (Alemanha)25.Kenny Dalglish (Escócia) 26.Ali Daei (Irã)27.Karl-Heinz Rummenigge (Alemanha)28.Gabriel Batistuta (Argentina)29.Michael Laudrup (Dinamarca)30.Hristo Stoichkov (Bulgária)31.Dennis Bergkamp (Holanda) 32.Frank Rijkaard (Holanda)33.Thierry Henry (França)34.Pavel Nedved (República Checa)35.Gheorghe Hagi (Romênia)36.Peter Schmeichel (Dinamarca) 37.Andrei Shevchenko (Ucrânia)38.Sepp Maier (Alemanha)39.Didier Deschamps (França)40.Lilian Thuram (França) 41.Enzo Francescoli (Uruguai)42.Hakan Sukur (Turquia)43.Paolo Rossi (Itália) 44.David Beckham (Inglaterra)45.Jean-Pierre Papin (França) 46.Kevin Keegan (Inglaterra)47.Marcel Desailly (França) 48.Oliver Kahn (Alemanha)49.Alessandro Costacurta (Itália)50.Clarence Seedorf (Holanda)51.Dino Zoff (Itália) 52.Patrick Kluivert (Holanda)53.Jari Litmanen (Finlândia)54.Daniel Passarella (Argentina)55.Bixente Lizarazu (França)56.Gary Lineker (Inglaterra)57.Ronaldhino (Brasil) 58.Sylvain Wiltord (França)59.Bebeto (Brasil)60.Alessandro Del Piero (Itália) 61.Davor Suker (Croácia)62.Ryan Giggs (País de Gales)63.David Trezeguet (França)64.Demetrio Albertini (Itália) 65.Patrick Vieira (França)66.Jürgen Kohler (Alemanha)67.Laurent Blanc (França)68.Michael Owen (Inglaterra) 69.Youri Djorkaeff (França)70.Frank de Boer (Holanda)71.Emilio Butragüeño (Espanha)72.Hugo Sánchez (México) 73.Rudi Völler (Alemanha)74.Djalma Santos (Brasil)75.Giacinto Facchetti (Itália)76.Kanu (Nigéria)77.Franco Baresi (Itália)78.Gianni Rivera (Itália) 79.Roberto Baggio (Itália)80.Oscar Ruggeri (Argentina)81.Gheorghe Popescu (Romênia)82.Jon D. Tomasson (Dinamarca) 83.Raymond Kopa (França)84.Carlos Valderrama (Colômbia)85.Rui Costa (Portugal)86.Gary Neville (Inglaterra) 87.Edgar Davids (Holanda)88.Taffarel (Brasil)89.Paul Scholes (Inglaterra) 90.Diego Simeone (Argentina)91.Bryan Robson (Inglaterra)92.Roy Keane (Irlanda)93.Brian Laudrup (Dinamarca) 94.Henrik Larsson (Suécia)95.Fabien Barthez (França)96.Michael Ballack (Alemanha)97.Jan Koller (República Checa)98.Edwin van der Sar (Holanda) 99.Robert Pires (França)100.Johan Neeskens (Holanda)
16 Sep 2009
2274
Share Video

9:26
Durante Fullmetal Alchemist ((C) 2003 TBS-Bones) - Enlace - DirecTV (2009) con Zamorano, Batistuta, Valderrama, Aguinaga, Cubillas y Dudamel - CTC (1989) - Shell (1998) - Papel Higienico Confort (1995) - Pinturas Ceresita (2009) - Multitiendas La Elegante (2009) - Cortina Canal 18 La Serena - Enlace
28 Oct 2009
197
Share Video