Results for: mandioca Search Results
Family Filter:
0:58
asdadaas
22 Apr 2007
2273
Share Video

2:24
http://www.parainmigrantes.info te muestra el stand de Intertrópico Colombiana SL en Integra Madrid 2008. INTERTROPICO SUPERMERCADO Intertropico nace, como empresa importadora, y comercializadora de productos alimenticios, bebidas refrescantes y bebidas alcohólicas en el año 1999, con una tienda en la calle reyes 17, en pleno corazón de Madrid, a tan solo 80 mts de la plaza de España, HORARIO En calle reyes 17, metro plaza España usted encuentra productos de países como COLOMBIA, ECUADOR, PERU, BRASIL, MEXICO, VENEZUELA, REPUBLICA DOMINICANA, BOLIVIA y PARAGUAY Nuestros horario al publico son lunes a sábado 9.30 AM a 9.00 PM y domingo y festivos de 3.00 PM a 9.00 PM, los metros mas cercanos son: noviciado, plaza España y callao. PRODUCTOS SORPRENDENTES Ofrecemos al público latino y español más de 800 referencia, de productos autóctonos de iberoamerica, productos tan sorprendentes como un molino artesanal para moler maíz hasta hojas para hacer los típicos tamales o hallacas de COLOMBIA y VENEZUELA respectivamente. También puede encontrar usted una selección de más de 20 marcas de yerbas mates como la SELECTA, CAMPESINO, KURUPI, ROSAMONTO, AMANDA, y CANARIA entres otras. Así mismo los amantes de las buenas cervezas pueden degustar, cervezas tales como: club Colombia, quilmes, paseña, cuzqueña negra y rubia, polar, poker, brahama, pilsener etc. IMPORTACIONES Importamos de COLOMBIA más de 190 referencia, representamos a mas de 15 empresas colombianas, tales como IMUSA, INDUSTRIA CALI PAN, INDUSTRIA LA PAMAPA, CONDIMENTO EL REY, INDUSTRIA DEL MAIZ, ETC. Además importamos directamente de PARAGUAY los productos marca selectas tales como : ALMIDON DE MANDIOCA, LOCRO, POROTO ROJO, Y LA GAMA DE YERBAS MATES, TAMBIEN REPRESENTAMOS LA EMPRESA KURUPI, EL CAFÉ MAYO, CHIPA PIRU, GUAMPAS, LA YERBA INDEGA, LA RUBIA Y LA COLON. Próximamente importaremos productos de BRASIL.
31 Jan 2009
589
Share Video

5:23
A nova versão do café super cremoso do blog Porca Mandioca. Nessa versão você vai aprender a fazer o café cremoso na batedeira, podendo guardar o produto na geladeira e criar o seu café quando quiser sem precisar ficar batendo o café o tempo todo.
27 Nov 2010
94
Share Video

7:59
Durante a Festa da Jujuba, Brothres e Sisters estão à vontade, brincando e se divertindo. Todos estão alegres e não existe constragimentos com Rafinha, mesmo após a visão da mandioca nervosa, dentro da cuequinha branca.
18 Feb 2013
3814
Share Video

4:35
GRAVADO EM PORTUGAL
28 Aug 2010
460
Share Video

2:24
*Follow-me! http://twitter.com/MixComedia *Video anterior http://www.youtube.com/watch?v=gGFn9AO7AUc *Mais Videos http://www.youtube.com/user/MixComedia#g/u *Inscreva-se Para Manter-se Atualizado Com o Nosso Conteúdo http://www.youtube.com/subscription_center?add_user=MixComedia *****
20 Jan 2012
10499
Share Video

5:07
Compilação das melhores cenas. A Banheira do Gugu é uma atividade esportiva brasileira praticada desde o ano 1420 entre os índios Tupis. Nas tribos, a prática desta atividade consistia em uma homenagem à Mani, a deusa da mandioca. No lugar dos sabonetes, os índios utilizavam o vegetal. O esporte se tornou bastante conhecido no século XX, quando o destemido explorador Gugu Liberato o descobriu. Hoje este esporte perde em popularidade apenas para o futebol. Ele é praticado em motéis, banheiros de casas e apartamentos luxuosos, piscinas, represas, poças d'água e até no mar, como demonstrou a musa Dani Cicarelli em um vídeo famoso no youtube. A Banheira revelou inúmeros talentos esportivos no Brasil, entre esses talentos estão: Nana Gouveia Mari Alexandre Luiza Ambiel Helen Ganzaroli A Música Tema do esporte continua sendo a mesma da época dos índios. Vamos cantar juntos esta bela canção oriunda da cultura tupi-guarany: "Uba, uba, uba, ê... Uba, uba, uba, ê... Uba, uba, uba, ê... Uba, uba, uba, ê... Para, pararará... Para, pararará... Para, pararará... Para, pararará... Êo, eo, eô... Êo, eo, eô... Êo, eo, eô... Êo, eo, eô..."
26 Aug 2012
4036
Share Video

2:42
Economizar todo mês para seu futuro pode ser mais fácil do que você imagina. Tão simples quanto fazer um delicioso escondinho. Que tal além de economizar, saber também quanto investir na sua idade? Veja aqui: http://youtu.be/VoveZT_ZfWQ Economizar é como tirar aquele excesso de sal da carne-seca. Duvida? Assista o vídeo, e aproveite a receita de escondidinho abaixo com os amigos: PARA DESSALGAR A CARNE: • Lave bem a carne seca em cubos em água corrente. Depois, coloque a carne na panela, cubra com água e adicione uma pitada de sal. Leve ao fogo e assim que uma camada de espuma branca cobrir a carne, troque a água. Repita a operação o quanto for necessário até a carne perder o excesso de sal. NA HORA DE PREPARAR: Tudo pronto? Agora é juntar os ingredientes (com a carne já dessalgada) e montar essa delícia, ideal para 2-3 pessoas, dependendo da fome de cada um ;-) Ingredientes: • 1 xícara (chá) de azeite de oliva • 2 cebolas em rodelas • 1 kg de carne seca dessalgada, cozida e desfiada • 1 xícaras (chá) de salsinha picada • 2 kg de mandiocas descascadas, cozidas com sal e espremidas • 1 xícara (chá) de leite • 2 colheres (sopa) de margarina • 3 xícaras (chá) de requeijão • 1 xícara (chá) de queijo parmesão ralado grosso Modo de preparo: Em uma panela, aquecer o azeite e dourar a cebola. Depois, acrescentar a carne seca, refogá-la e só então colocar a salsinha. Reservar. Em outra panela, colocar as mandiocas espremidas, acrescentar o leite, a margarina e o requeijão. Misture. Em um refratário, colocar uma camada do creme de mandioca, colocar a carne seca já refogada e cobrir com o restante do creme. Espalhar o queijo ralado e levar para gratinar a 180ºC por mais ou menos 15 minutos.
22 Jul 2013
9259
Share Video

1:19
Chacrinha era festa, era alegria, era entretenimento. Seus programas eram cheios de vida, calor humano e divertidíssimos. O povo o amava e não se esquece do Velho Guerreiro "balançando a pança e comandando a massa", como diz a canção "Aquele Abraço" (1969), de Gilberto Gil. Chacrinha morreu às 23h30, em sua casa, na Barra da Tijuca, em 30 de julho de 1988 (numa quinta-feira). 30 mil pessoas passaram pelo saguão principal da Câmara dos Vereadores, no centro do Rio, para participar do velório. Abelardo Barbosa, o Chacrinha, morreu aos 70 anos de infarto do miocárdio e insuficiência respiratória (tinha câncer no pulmão). O enterro realizou-se às 16h no cemitério São João Batista, em Botafogo. Saudades do Velho Guerreiro autor das inesquecíveis frases: "Eu vim pra confundir, não pra explicar." "Na TV nada se cria, tudo se copia." "Não sou psicanalista e nem analista. Sou vigarista." "Alô Sarney, não perca de vista o pecuarista." "A melhor lua pra se plantar mandioca é a lua-de-mel." "Alô, Dona Maria, seu dinheiro vai dar cria." "Honoris causa é a mesma coisa do que hors-concours." "O mundo está em dicotomia convergente, mas vai mudar." "Quem não se comunica, se trumbica." "Terezinha, uuuuuhhh!"
17 Aug 2013
3859
Share Video

14:34
EU ANDAVA PERAMBULANDO SEM TER NADA PRA COMER EU PEDI ÀS SANTAS ALMAS PARA VIR ME SOCORRER FOI AS ALMAS QUE ME AJUDOU MEU DIVINO ESPÍRITO SANTO VIVA OH DEUS NOSSO SENHOR PÁ PÁ PÁ BATERAM NA PORTA NO CÉU PÁ PÁ PÁ SÃO PEDRO ABRIU PRA VER QUEM É MAS ERA AS ALMAS SANTAS BENDITAS QUE SE PESAVAM NA BALANÇA DE MIGUEL FOI, FOI OXALÁ QUEM MANDOU EU PEDIR QUEM MANDOU IMPLORAR QUE AS SANTAS ALMAS VIESSEM ME AJUDAR QUE EU FOSSE NA CALUNGA DE JOELHOS A IMPLORAR SANTO ANTONIO DE PEMBA SEGURA A CURIMBA SEGURA O GONGÁ EU SOU FILHO DE PEMBA EU NÃO POSSO CAIR EU NÃO POSSO TOMBAR MAS COMO CAMINHOU MEU PAI MAS COMO CAMINHOU MEU PAI MAS COMO CAMINHOU SANTO ANTONIO DE PEMBA MAS COMO CAMINHOU AUÊ MEU SÃO BENEDITO Ô SARAVÁ A SUA COROA Ô SARAVÁ MEU SENHOR DO BONFIM MEU SENHOR MALAQUIAS Ô SARAVÁ TODO POVO DA BAHIA ELE É PAI DE CABEÇA É O CHEFE DO NOSSO GONGÁ ELE É PAI DE CABEÇA É O CHEFE DO NOSSO GONGÁ Ô VENTO QUE BALANÇA AS ÁGUAS DA BAHIA Ô DEIXA MEU VÔVÔ CHICO PASSAR HOJE É DIA DE FESTA NO TERREIRO DO MEU PAI SARAVÁ MEU VÔVÔ CHICO QUE ELE É O NOSSO PAI HOJE É DIA DE FESTA NO TERREIRO DO MEU PAI SARAVÁ MEU VÔVÔ CHICO QUE ELE É O NOSSO PAI EMBALA Ê BABÁ EMBALA Ê (4X) MAS EU FUI À BAHIA FAZER UMA PROMESSA AO SENHOR DO BONFIM QUE EU SEGUIRIA MINHA UMBANDA ATÉ O FIM ME AJUDA ME DÊ PAZ E SAÚDE Ó SENHOR DO BONFIM ME AJUDA ME DÊ PAZ E SAÚDE ÔH MEU VÔVO CHICO NUNCA NOS ABANDONE ÔH MEU VÔVO CHICO NUNCA NOS ABANDONE OH TOMA CONTA DO SEU TERREIRO OH TOMA CONTA DO SEU GONGÁ ATOTÔ OBALUAÊ MEU PAI, MEU PAI É SANTO É SANTO DO MEU AXÉ, É SANTO DO MEU ENCANTO FOI COM AS ALMAS COM AS ALMAS QUE EU CONHECI A UMBANDA FOI COM AS ALMAS COM AS ALMAS QUE EU CONHECI MEU VÔVÔ CHICO COM AS ALMAS QUE EU CONHECI PAI JOAQUIM OH PAI DE ANGOLA É ANGOLEIRO ELE É REI MAIOR TRABALHAVA NA SUA LAVOURA ELE É REI MAIOR LA NA ANGOLA TEM UM VELHO QUE NÃO PODE MAIS ANDAR LA NA ANGOLA TEM UM VELHO QUE NÃO PODE MAIS ANDAR ELE VAI BATER MACUMBA ATÉ O DIA CLAREAR DANDÁ DANDÁ VÔVÔ DANDÁ DANDÁ VÔVÔ DANDÁ DANDÁ VÔVÔ DANDÁ DANDÁ VÔVÔ SEGURA O TOURO CAMBINDA AMARRA NO MORÃO, SE O TOURO É BRAVO, OI CAMBINDA, AMARRA ELE NO CHÃO, MEU SANTO ANTONIO É PEQUENINO AUÊ, OI ABRE AS PORTAS DO CÉU AUÊ, CAMBINDA VELHA ESTREMECEU AUÊ, MAS NÃO SAIU DO LUGAR. BAHIA, OH! ÁFRICA VEM CÁ VEM NOS AJUDAR FORÇA BAHIANA, FORÇA AFRICANA, FORÇA DIVINA VEM CÁ, VEM CÁ. O BARQUINHO DE SÃO SALVADOR CHEGOU DA BAHIA TÃO CARREGADO TROUXE CRAVO, TROUXE ROSA E A VOVÓ RITA QUE VINHA DO LADO FILHO DE FÉ FOI ESPERAR FOI ESPERAR VÓVÓ NÃO CHORA NO CATIVEIRO, NO CATIVEIRO NÃO DEVE CHORAR 4X QUANDO BATIA SEIS HORAS NEGA VELHA PEGAVA O TAMBOR CORRIA PRA SUA URUCAIA CHAMAVA OXÓSSI CHAMAVA XANGÔ NO TEMPO DA ESCRAVIDÃO COZINHAVA PRA ELA SÓ PRETA VELHA NÃO QUER QUE EU COMA ABÓBORA, MAXIXE, QUIABO E JILÓ PRETA VELHA NÃO QUER QUE EU COMA ABÓBORA, MAXIXE, QUIABO E GILÓ ABÓBORA, MAXIXE, QUIABO E GILÓ DESATA O NÓ DO CAMINHO DOS SEUS FILHOS EU PLANTEI MANDIOCA FORMIGA COMEU PLANTEI, PLANTEI NÃO PLANTO MAIS PRETO VELHO CADÊ SEU GONGÁ OH ZIG ZIG ZIG NA SENZALA FICOU LÁ MAS EU SONHEI QUE ESTAVA NA BAHIA E LÁ TEM MUITO AXÉ E EU CANTAVA NOITE E DIA QUANDO EU ACORDEI UMA BAIANA ME CHAMOU ERA O RECADO DE MEU PAI XANGÔ BAIANA CHEIA DE AXÉ BAIANA TODO DIA EU VEJO A BAIANA CHEIA DE AXÉ CHAMEI A RODA PRA RODAR BAIANA VAMOS APANHAR DENDÊ NA BAHIA VAMOS APANHAR DENDÊ QUERO VER SAIAS DE BABADO, PIMENTA DA COSTA, COLARES E GUIAS É UMA PRETA VELHA TODA ENFEITADA ELA VEM DA BAHIA AI COMO É LINDO TEU OLHAR AI COMO É LINDO TEU CAMINHAR EU DIGO ADEUS ESTÁ CHEGANDO A HORA PRETO VELHO SE DESPEDE E JÁ VAI EMBORA E JÁ FOI EMBORA
19 Aug 2013
5039
Share Video

3:43
Tô namorando uma magra, nosso amor tá ferradito Mas muitos já tem me dito que eu só vou me incomodá Porque eu sou bagual e meio e ela é fissurada em roque Mas se ligou nos meus toque, quero vê o que que vai dá Até as bóia que ela come das minha são diferente Torrada e cachorro quente e um tal de xis bauru Arrastei a tianga outro dia, levei pra come lá em casa Bago de touro na brasa e ensopado de caracu Int. Come bago que é uma doida, cabeça de ovelha e bucho Despois um mate gaúcho que é pra acomodá as lombriga Tu não te agacha mocinha, trafuia a bóia pesada Vai te esgualepá a buchada despois te estufa a barriga Em vez de mascá um chicrete pros queixo ficá intertido Mastiga um nervo cuzido num soquete aferventado Em vez de tu escuitá roque lá dos Estados Unido Traca nesse teus ouvido um bugio véio abagualado Int. Já troco o tal de iogurte por uma guampa de cualhada Um puxa puxa e melado, pão guerrudo com café Mas as vez ela recai e eu noto que a moça pira E proseia numa gíria que eu não sei o que, que é Pô meu que legal, tua bombacha tá mais dez Pô meu, pô pinta, vê se cai numa real Segura o tchan, a onda é essa a tua mina qué fumá Pô meu, pô pinta, vô te levá prum chamego Mas tu te ajeita franga, prá ti te amaziá comigo Tem que emborca os teus fervido em riba dos meus pelego Int. Outro dia ela inventô de me arrastá pruma boate E me fez dar uns pinote numa dança internacional Vi uma luz de toda cor igual uma bexiga furada Se vorteando pendurada num barulhão infernal E eu mais atoa que um cusco abichado nas orelha E um refrego que encandeia, mas pra não perde a guria Eu segui me chacoalhando com aquela moça maluca Parecia uma égua chucra laçada pelas virilha Mas hoje a moça tá mudada parece que viro um feitiço Agarrô os tal de patim e trocou pelo um petiço Só qué anda no meu cuiudo não quer saber de motoca Mandô seu namoradinho ir pastá e plantá mandioca E se engatou nas grossura, do bagual da bossoroca
21 Aug 2013
4272
Share Video

5:24
Montagem juntando diversos candidatos hilários, engraçados, bons momentos de risadas! E mandioca neles!
24 Aug 2013
4193
Share Video