Results for: peito Search Results
Family Filter:
0:38
Final dos 50m peito masculino da Intermed 2009, realizada em Americana/SP. Campeão da prova com 29"20!!!
27 Oct 2009
178
Share Video

1:13
Nasci com essa anomalia e resolvi mostrar,pois quem ja viu pessoalmente fica espantado,até leite materno sai deles e como tive meu ultimo filho recente,seria a ultima oportunidade de vê-los saindo leite..
2 Mar 2012
578
Share Video

0:26
Topless fighting scene from Celebridade
14 Nov 2006
4157
Share Video

2:07
Uma jovem neozelandesa que foi atropelada por um motorista distraído enquanto mostrava seus seios na rua, no sul do país, foi declarada culpada por desordem pública pelos tribunais, informou nesta quarta a imprensa local. A Polícia indicou que Cherelle Mai Dudfield, de 18 anos, foi para o meio da estrada para exibir os seios descobertos aos motoristas que passavam a seu lado, até que um homem distraído a atropelou. A jovem não pôde se esquivar do veículo a tempo e rodou pela parte dianteira do automóvel até bater no parabrisa, mas não sofreu lesões graves. Dudfield, que admitiu sua responsabilidade, foi condenada a pagar uma multa de 275 dólares neozelandeses (aproximadamente US$ 200).
26 Dec 2009
3306
Share Video

1:15
Treinamento, Tonificação e Fortalecimento dos Músculos Peitorais Para Mais Informações Visita www.bodylastics.eoltt****
10 Sep 2011
447
Share Video

6:29
Download file here: *******storageget****/nvtu3 Se der um erro relacionado á: "MSVCR100.dll" baixe esse programa ( de acordo com a sua versão ) e instale:
23 Nov 2011
296
Share Video

1:00
GATO CHUPANDO PEITOS DE UM URSO DE PELUCIA.. hahahahaha...
22 Aug 2006
183
Share Video

0:07
nene pula no peito do pai e fica durinha
17 Oct 2007
1360
Share Video

Private
4:54
1977 Legião Urbana Composição: Renato Russo Todos os dias quando acordo de manhã Não tenho mais o tempo do dia que passou Mas tenho muito tempo Para acabar com essa indecisão Espero sinceridade e perigo Todos os dias tento chegar em algum lugar Só pra depois dizer que não quero ficar lá Não é coincidência Essa minha indiferença É que está me faltando motivo Responsabilidade me deixa sem saber Qual é a interferência Ou como deve ser Todos os dias quando eu peito pra dormir Fico pensando em todas as coisas que eu não fiz Quando penso no futuro Sempre com uma leve preocupação Se não lembrar qual foi o aviso Todos os dias quando eu tento esquecer Todas as coisas que eu não quero mais fazer É só inconsequência O tempo continua com ou sem ação E eu não consigo ficar indeciso Pontos de referência Perdi meu referencial E quase como sempre não foi proposital 1977 quero ficar na cidade ou não Começaram a brincar com Eletricidade Quero ficar na cidade ou não 1977 Quero ficar na cidade ou não Começaram a brincar com eletricidade Quero ficar na cidade ou não I am Here for: Falllbrasil letter and voice Juan guitar I know write something you can count I do not understand more who I am, not my terror search I feel that if it was what I thought of me I had it all planned My life prepared I had no more what dress I already knew my start Where I would finish I had an end Scheduled for me But you came I said well Vim be your friend More you lied Today I do not feel What will be done with me Do not search my past And I do not know my future Santa what you did Deixaste loco of time Falaste to me What was just friendship More at the end you It took what I had My gold my sense My direction Me taught that nothing You are writing Santa what you did Comigo me leave So all crazy Desorientado Pirado Without knowing what to do Or go pra Life is so simple Without love without liking I do not understand what Fizeste me How I could well Me apaixonar I have more desire From looking at the future And not knowing where you are I want to learn to conquer you More my biggest fear is leaving me Santa what you did me Me taught to love But it taught me to win Me roubaste life Me sacaneou Transformou my world In a world opponent Santa what you did me Me leave well So disoriented Why not have home I do not know where or Moro Do not seek truths Because my past I do not And my future I do not want more So I wrote all wrong Why always write And learn things in loco Loco magistrate I have facul I have respect I have a world If you do not have Santa what you did me Why so brincaste With a be as equal Santa what you did me Zoaste so with a be imaginary Santa adolescent girl Maldito Orkut which is MSN Santa why did well Escreveste not read a page This Ta good ......
17 Mar 2008
154
Share Video

3:50
Vôo Treinamento e Acrobacia dedicado a um amigo do peito e das asas.
19 Apr 2008
947
Share Video

3:31
Grávida. Não quero perder do verbo a alegria Ou beber da conjugação as lágrimas. Minha estrada não conhece limites, Faço floridos os dias mortos. Pinto caracóis nos pensamentos Para viver a expressividade do amor. O que passa pelos meus caminhos Trança de fantasias a realidade ofuscada. Não vôo nem morro desfecho, sou jardim nu. Orvalho de uma estação criada para o sonho Lá onde o trem apita o definido início E eu, posso estar no desembarque ou embarque. Nunca sei mais da noite além do que ela ensina, Madrugada é dia na pele, raiz na carne, Repouso nos olhos da viagem sem dia certo: Espera-me na esquina do verso eternidade. Carrego a sina de grávida Poesia E ela não permite que eu cale e seja tempo. Se acaso eu florescer em seu peito Quero ser margarida, suave margarida. Desfolha-me devagar, flor de delírios. Ao fim não busque compreensão; floresça. Seja o íntimo poema do dia. O poema vida com o nome sempre! Meus pés seguem os dedos, Os dedos o coração, O coração os óvulos férteis da mente, No entanto, há o olhar do mundo, Onde eu crio e prospero sementes de sentimentos. Meu tempo? Nunca e sempre. Certeiramente, agora! Eliane Alcântara.
22 May 2008
3912
Share Video

2:53
Imagens em Slide Show do Primeiro Encontro TheBodysurfer em 2007. Um evento super astral como são todos os eventos de surfe de peito. E com uma competição em que os finalistas foram: 1-DJ 2-Thiago Lopes 3-Juninho 3-Rodrigo Soares Quem ficou de fora até hoje, não pode deixar de ir aos proximos eventos da galera: www.thebodysurfer****.br www.bodysurfing****.br
28 Jun 2008
336
Share Video

2:18
Hilária redublagem do filme Sexto Sentido. Com vocês, Peito Sentido! É de rolar de rir. Confira!
16 Sep 2008
715
Share Video

1:23
Gustavo França Borges (Ituverava, 2 de dezembro de 1972) é um ex-atleta brasileiro de natação, vencedor da medalha de prata nos 100 metros de livre estilo nas Olimpíadas de 1992 em Barcelona. Ele participou de quatro Jogos Olímpicos desde 1992. Atualmente, Gustavo reside em São Paulo. Ele já morou em Jacksonville e foi estudante na Universidade de Michigan em Ann Arbor, sendo guiado pelo treinador de natação Jon Urbanchek, que também treinou grandes nadadores como Eric Namesnik e Marcel Wouda nos anos 90. Gustavo Borges, considerado um dos principais atletas da história da natação brasileira, foi o porta-bandeira da delegação brasileira na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de 2004 em Atenas.Era como se fosse um peixe. Quando criança, Gustavo França Borges passava o dia inteiro dentro da piscina, construída no fundo do quintal de casa, em Ituverava, a 410 quilômetros de São Paulo. Por mais que os pais, o empresário José Jovino e a professora Diva, chamassem a criança para dentro, não adiantava. Os apelos eram inúteis. A alegria de brincar na água convenceu a família e todos os brinquedos foram de mudança do quarto para o fundo da piscina. "Desde pequeno, as brincadeiras que fazia eram relacionadas à água. Nas festas de aniversário, Gustavo chamava seus pequenos convidados e todos se divertiam na piscina", lembra o pai. Hoje, aos 27 anos, quando o homenzarrão - 2,04 m de altura e 95 quilos - arqueia o corpo na raia e se joga na água, o prazer é igual ao que sentia na infância.Gustavo quase se afogou na praia de Ipanema. Engolido por três ondas consecutivas, levou um baita susto. "Foi o maior sufoco da vida dele. Não tem experiência em nadar em mar", disse a mãe, dona Diva.Recebido pelos americanos como grande promessa da natação mundial, não decepcionou. Ainda não sabia falar corretamente o inglês (o que só aconteceria um ano depois), quando disputou quatro provas do High School Swimming Championship. Não só venceu todas, como estabeleceu um novo recorde mundial das 100 jardas estilo livre. Alguns dias depois, ganhou a medalha de bronze do US Open, superando o recordista mundial dos 100 m livre, Matt Biond, ouro em Seul, em 1988. A consagração veio em 1991 nos Pan-Americanos de Havana quando foi o brasileiro que conseguiu o maior número de medalhas - duas de ouro, duas de prata e uma de bronze. Tornou-se ainda o primeiro brasileiro a reduzir a marca de 50 s na prova dos 100 metros estilo livre. Em 1992, ocupando a quarta posição do ranking mundial, colocou no peito duas medalhas de prata, nos 100 m livre individual e revezamento na Olimpíada de Barcelona. Gustavo passou a treinar com olhos voltados para Atlanta, onde aconteceriam os Jogos de 1996. Quando chegou a Atlanta estava mais rápido e ágil do que nunca. Alcançou o melhor tempo de sua carreira e bateu o recorde sul-americano (49s02 nos 100 m), conquistando a medalha de bronze. Nos 200 m livre levou o prata, ficando apenas 55 milésimos de segundo atrás do neozelandês Danyon Loader. Agora, Gustavo pensa em Sydney, no próximo ano. Na trajetória do peixe, falta ainda o ouro olímpico, motivo suficiente para que não relaxe um dia sequer. "Acordo de madrugada para treinar, seja inverno ou verão. As medalhas provam que vale a pena sofrer."
26 Nov 2008
831
Share Video

3:20
O craque que assusta mas resolve A torcida teme e confia em Romário, um especialista em fazer gols e um mestre em armar confusões Fabio Altman, de Barcelona A sorte do Brasil na Copa do Mundo está nos pés de Romário de Souza Faria, carioca de 28 anos. Baixinho, atarracado, tinhoso, ele tem a maior e mais rara das qualidades de um jogador de futebol: a facilidade de fazer gols. Calcula-se que tenha marcado mais de 400 desde que começou sua carreira no infantil do Vasco, em 1981. Rapidíssimo, está sempre no lugar onde a bola vai estar no momento seguinte. Certeiro, dispara seus tiros com pontaria letal. Apesar de só ter 1,67 metro de altura, suas cabeçadas são um perigo. Eleito por treinadores do mundo inteiro, numa pesquisa patrocinada pela Fifa, como um dos três melhores jogadores do planeta na última temporada - o italiano Roberto Baggio e o holandês Dennis Bergkamp são os outros dois - Romário é o artilheiro do campeonato espanhol. Foi ele o responsável direto pela classificação do Brasil nas eliminatórias da Copa, ao marcar os dois gols na partida decisiva contra o Uruguai, em setembro passado. O time pode ser uma droga, mas, se tiver Romário, tem chance de dobrar o adversário. Explosivo, ele decide uma partida.Essas credenciais levam a torcida a depositar nele todas as esperanças de gols e de bons resultados da seleção brasileira na Copa, que começa daqui a um mês. Mas são insuficientes para afastar a desconfiança em relação a Romário. Assim como faz gols, ele tem uma capacidade infinita para se meter em confusões. É indisciplinado, encrenqueiro, individualista e rebelde. Angelical dentro do campo, fora dele Romário é um endiabrado. Diz exatamente o que pensa, mesmo quando resvala para a prepotência, a arrogância e a grosseria. Não lhe peçam para dedicar gols para criancinhas pobres. Não esperem dele mensagens positivas, pelo bem do Brasil. Anjo e demônio, Romário não sairá desta Copa igual ao que era antes dela. O sucesso ou o fracasso da seleção será mais seu do que de qualquer outro integrante do time."DONO DO BRASIL" - Romário acredita que o dia mais feliz de sua vida foi o último 19 de setembro, quando o Brasil garantiu sua classificação para a Copa do Mundo ao vencer o Uruguai por 2 a 0, no Maracanã. Retido em seu Porsche num fenomenal congestionamento à saída do estádio, o jogador, autor dos dois gols do Brasil, pegou o telefone celular e ligou para um militar, amigo seu: "Coronel, hoje eu sou general. Está tudo parado por minha causa. Eu sou o dono do Brasil". O brado de euforia, e também de desabafo, era o desfecho de uma situação que sintetiza a conflitiva convivência do craque com a seleção. Por se rebelar ostensivamente contra as determinações do técnico Carlos Alberto Parreira, Romário ficou afastado de todos os jogos da equipe no ano passado. Só foi chamado para a última partida das eliminatórias, quando o Brasil vivia pela primeira vez na história a perspectiva vexaminosa de não se classificar para a Copa. Apresentou-se humildemente ao técnico e em campo não fez por menos: salvou a pátria. "Foi Deus que mandou o Romário", reconheceu, depois do jogo, o mesmo Parreira que teimara em mantê-lo afastado.Desde que chegou à seleção pela primeira vez, em 1985, quando era pouco mais que um adolescente, Romário mantém uma atitude de desafio em relação ao time, seus jogadores, técnicos e cartoIas. Naquela ocasião, foi cortado do elenco que se preparava para o Campeonato Mundial de Juniores, em Moscou. 0 motivo, uma molecagem: Romário e outros dois amigos foram flagrados na janela do hotel que servia de concentração ao time em Copacabana fazendo gestos obscenos para moças que passavam na rua. Em nome da moral e dos bons costumes foi mandado de volta para casa. Cinco anos mais tarde, Romário integraria o grupo de jogadores que disputou a Copa da Itália. Jogou menos do que as confusões que criou. Primeiro, entrou em choque com o médico da equipe Lídio Toledo, ao levar para a concentração seu próprio fisioterapeuta para cuidar da recuperação de uma perna quebrada recentemente. Depois, insurgiu-se contra o técnico Sebastião Lazaroni. "Esse treinador só convoca amigos dele. A seleção não é o INPS para ficar ajudando os outros", afirmou, ironizando o pendor de Lazaroni para usar a seleção para promover os amigos.CONHECIDOS - Mais recentemente, elegeu o atacante Müller, do São Paulo, para alvo de suas críticas. "Já esteve em duas Copas e nunca fez nada", disparou, ao admitir sua preferência por Edmundo, do Palmeiras, seu único amigo do peito entre os colegas de profissão. Com Bebeto, Romário tem uma relação gélida. "Somos apenas conhecidos", diz. Sem nenhuma cerimônia, ele também atirou contra o mito maior do futebol brasileiro. "Pelé vive do passado e, para mim, quem vive de passado é museu", fuzilou, rebatendo as críticas que o rei do futebol fizera a seu comportamento.
1 Dec 2008
1983
Share Video