Results for: zico Search Results
Family Filter:
6:27
FIFA World Player Mr Football (Soccer) in the World from 1982 to 2009:fifa world cup is an international football or soccer competition, the tournament involves 32 teams competing for the title within the host nation that takes about a month, it happens every four years. The most recent world cup was held in Germany 2006 and was won by Italy who defeated France at the finals, the next world cup is going to be held in South Africa in 2010 between june and july and fifa world cup 2014 is going to be held in Brazil. The FIFA World Cup began as an invitational event- with thirteen national soccer teams- in 1930. After the second World Cup in 1934, qualifying tournaments were held to distill the number of participants in the World Cup Finals. Since 1938, host nations were granted an automatic berth in the finals. Qualification for the World Cup Finals involves the majority of FIFA's 207 member associations across six continental zones. It takes place on a zonal basis, with each zone awarded a specific number of places. The zonal allocations- determined by FIFA- are based on the relative strength of each confederation and even the politics of FIFA. The allocations of 31 spots (excluding the host nation) for the 2010 World Cup to the six zones are as follows: CAF (Africa): 5 places UEFA (Europe): 13 places AFC (Asia): 4.5* places CONCACAF (North America, Central America and the Caribbean): 3.5* places CONMEBOL (South America): 4.5* OFC (Oceania): 0.5* - Literally half a chance Each continental zone oversees its qualification process. Allocations are ratified and intercontinental playoff formats are determined by FIFA prior to each qualifying campaign. There is also an accepted World Cup Qualifying format in each zone. The zone formats for the 2010 qualifying campaign are listed below. UEFA The European Confederation has 53 member nations. For 2010 qualifying, all 53 members participated. Following a draw (in which teams are seeded), the 53 member teams are divided into eight groups of six teams each. The ninth group has five teams. The draw is seeded so that each group contains a similar mix of strong and weak teams. The nine groups are settled on a round-robin, home-and-away basis. The winners of each group earn an automatic berth in the World Cup finals. The four remaining UEFA places are determined by 4 home-and-away playoffs involving the 8 best runners-up from the nine groups. CAF Typically, all 53 members participate in World Cup Qualifying. In Round One of CAF qualifying, the ten lowest ranking nations in this zone are drawn and paired into 5 home-and-away playoffs. The winners of each playoff advance to Round Two. In Round Two, the 48 eligible teams are seeded and drawn into twelve 4-team groups that are settled by a round-robin, home-and away format. The 12 group winners and 8 best runners-up advance to the third round. Round Three consists of five groups of four teams each. The teams in each group play on a home-and-away, round-robin basis.
4 Aug 2009
104664
Share Video

4:36
Best Goals Forever-Football
18 May 2009
87659
Share Video

1:10
Harika buluşma
16 May 2008
15957
Share Video

2:38
A great compilation of bicycle kicks since i was tired of driblings only. Great performances from 90' and later
5 Mar 2010
14646
Share Video

7:30
Collection of Brazil's greatest names over the years. I couldn't include every big name but then this vid would never end lol. Please comment on who is your favourite player!
21 Mar 2008
12269
Share Video

6:12
O Campeonato Brasileiro de Futebol de 1982 foi vencido pelo Flamengo.Foi mantido o esdrúxulo sistema do ano anterior, com acesso da Taça de Prata para a Taça de Ouro no mesmo ano. Desta vez, os beneficiados foram o Corinthians, América/RJ, São Paulo/RS e Atlético/PR.Pela primeira vez, a final foi decidida somente no terceiro jogo, com o Flamengo conquistando o seu segundo título brasileiro sobre o Grêmio no Estádio Olímpico, em Porto Alegre. O Guarani nesse ano conquistou o recorde de média de gols no campeonato brasileiro, com 2,65 gols/partida.O Campeão da Taça de Prata nesse ano foi o Campo grande /RJ .Primeira Fase: 40 clubes organizados em oito grupos com cinco clubes em cada. Jogando em turno e returno, classificando-se os três primeiros colocados de cada grupo; o quarto colocado de cada grupo vai para a repescagem.Repescagem Os clubes que ficaram na quarta colocação de cada grupo da primeira fase são dispostos em quatro pares, enfrentando-se em jogo único; os 4 vencedores classificam-se para a segunda fase.Segunda Fase: Os 24 clubes classificados na primeira fase, mais os 4 classificados na repescagem, mais os 4 primeiros colocados da primeira fase da Taça de Prata são divididos em oito grupos de quatro clubes. Jogando entre si dentro dos grupos, em turno e returno, classificando-se os dois primeiros colocados de cada grupo.Fase Final (com oitavas-de-final, quartas-de-final, semifinais e final): sistema eliminatório, com jogos em ida-e-volta, tendo o clube de melhor campanha o mando de campo no segundo jogo. No caso de empate na soma dos resultados, disputa de pênaltis até que se conheça o vencedor. Exceção: na última etapa (jogos finais), empate na soma dos dois primeiros jogos levaria a um terceiro confronto; se este terminasse empatado, seria campeão o clube com melhor campanha durante todo o campeonato.18 de Abril, 1982 Flamengo 1 1 Grêmio Maracanã, Rio de Janeiro Público: 138.107 Árbitro: José Roberto Wright Zico Gol 89' Tonho Gol 83' Flamengo: Raul; Leandro, Marinho, Figueiredo e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes e Lico (Chiquinho). Técnico: Paulo César Carpeggiani. Grêmio: Leão; Paulo Roberto, Vantuir (Newmar), De León e Paulo César; Batista, Paulo Isidoro e Bonamigo (China); Tarciso, Baltazar e Tonho. Técnico: Ênio Andrade.21 de Abril, 1982 Grêmio 0 0 Flamengo Olímpico, Porto Alegre Público: 74.238 Árbitro: José Roberto WrightGrêmio: Leão; Paulo Roberto, Newmar, De León e Paulo César; Batista, Paulo Isidoro e Vilson Tadei (Odair); Tarciso, Baltazar (Paulinho) e Tonho. Técnico: Ênio Andrade. Flamengo: Flamengo: Raul; Leandro, Marinho, Figueiredo e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes e Lico. Técnico: Paulo César Carpeggiani. 25 de Abril, 1982 Grêmio 0 1 Flamengo Olímpico, Porto Alegre Público: 62.256 Árbitro: Oscar Scolfaro Nunes Gol 10' Grêmio: Leão; Paulo Roberto, Newmar, De León e Paulo César; Batista, Paulo Isidoro e Vilson Tadei (Odair); Renato, Baltazar (Paulinho) e Tonho (Odair). Técnico: Ênio Andrade. Flamengo: Flamengo: Raul; Leandro, (Antunes), Marinho, Figueiredo e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes (Vítor) e Lico. Técnico: Paulo César Carpeggiani.
2 Dec 2008
6431
Share Video

3:20
O Campeonato Brasileiro de Futebol de 1983 foi novamente vencido pelo Flamengo, que se tornou o terceiro clube brasileiro a conquistar um bi-campeonato (como Palmeiras e Internacional), e o segundo a chegar a três títulos, igualando o feito do Internacional em 1975, 1976 e 1979 No aspecto mais geral, foi mantida a fórmula de disputa dos dois anos anteriores. Mas foi criada uma terceira fase de grupos antes das finais eliminatórias, e mais uma vez alteraram-se os critérios de desempate na fase final. Pelo terceiro ano consecutivo, manteve-se o acesso direto de 4 clubes da 1ª fase da Taça de Prata para a 2ª fase da Taça de Ouro. Desta vez, os beneficiados foram Guarani, Botafogo/SP, Americano e Uberaba. Mudaram também os critérios de inclusão dos clubes no campeonato, que haviam sido bastante rígidos em 1981 e 1982: o Santos, que terminou o ano como vice-campeão brasileiro, participou da Taça de Ouro como convidado, já que fora oitavo no Campeonato Paulista do ano anterior.O campeão da Taça de Prata de 1983 foi o Juventus/SP, e o vice-campeão o CSA/AL.Primeira Fase: 40 clubes organizados em oito grupos com cinco clubes em cada. Jogando em turno e returno, classificando-se os três primeiros colocados de cada grupo; o quarto colocado de cada grupo vai para a repescagem. Repescagem Os clubes que ficaram na quarta colocação de cada grupo da primeira fase são dispostos em quatro pares, enfrentando-se em jogo único; os 4 vencedores classificam-se para a segunda fase. Segunda Fase: Os 24 clubes classificados na primeira fase, mais os 4 classificados na repescagem, mais os 4 primeiros colocados da primeira fase da Taça de Prata, totalizando 32 clubes, são divididos em oito grupos de quatro clubes. Jogando entre si dentro dos grupos, em turno e returno, classificando-se os dois primeiros colocados de cada grupo. Terceira Fase: Os 16 clubes são divididos em 4 grupos, 4 clubes em cada. Jogam em turno único dentro de cada grupo, classificando-se os campeões para a fase final. Fase Final (com quartas-de-final, semifinais e final): sistema eliminatório, com jogos em ida-e-volta, tendo o clube de melhor campanha o mando de campo no segundo jogo. No caso de empate na soma dos resultados, classifica-se o clube de melhor campanha em todo o campeonato. [editar] A Decisão 22 de Maio, 1983 Santos 2 1 Flamengo Morumbi, São Paulo Público: 114.481 Árbitro: José de Assis Aragão Pita Gol 25' Serginho Chulapa Gol 63' Baltazar Gol 67' Santos: Marola; Toninho Oliveira, Márcio, Toninho Carlos e Gilberto; Lino, Paulo Isidoro e Pita; Camargo (Paulinho Batistote), Serginho e João Paulo. Técnico: Formiga. Flamengo: Raul; Leandro, Marinho, Mozer e Júnior; Bigu, Adílio e Zico; Élder, Baltazar e Júlio César (Bebeto). Técnico: Carlos Alberto Torres. 29 de Maio, 1983 Flamengo 3 0 Santos Maracanã, Rio de Janeiro Público: 155.523 Árbitro: Arnaldo Cezar Coelho Zico Gol 1' Leandro Gol 39' Adílio Gol 69' Flamengo: Raul; Leandro, Marinho, Figueiredo e Júnior; Vítor, Adílio e Zico; Élder, Baltazar (Robertinho) e Júlio César (Ademar). Técnico: Carlos Alberto Torres. Santos: Marola; Toninho Oliveira, Joãozinho, Toninho Carlos e Gilberto; Toninho Silva (Serginho Dourado), Paulo Isidoro e Pita; Camargo (Paulinho Batistote), Serginho e João Paulo. Técnico: Formiga.
6 Dec 2008
6431
Share Video

3:07
Considerado o maior time da história do Flamengo, que foi formado em grande parte por jogadores revelados nas divisões de base do Clube, comandado por Zico, este plantel venceu o Campeonato Mundial Interclubes, em 1981, e também a Taça Libertadores da América e o Campeonato Carioca daquele ano. Foi também base para as conquistas do Campeonato Brasileiro, em 1982, 1983, 1987 e de diversos outros troféus. Comandado primeiramente pelo treinador Cláudio Coutinho, o time de 1981 do Flamengo parecia jogar por mágica. Mesmo com uma maratona de jogos, atuava sempre com muita disposição, e sempre querendo vecer. Conquistou três títulos em apenas 12 dias, e o mais importante deles, o Mundial Interclubes, veio no dia 13 de dezembro daquele ano, em partida disputada contra o campeão europeu, o Liverpool, em Tóquio, no Japão. Diante de 62 mil pessoas, o Rubro-Negro deu um baile nos favoritos ingleses, e com show de Zico, fez 3x0 ainda no primeiro tempo. Os memoráveis gols foram marcados por Nunes, aos 13', Adílio aos 34', e novamente pelo artilheiro das decisões, Nunes, aos 41'. No segundo tempo, bastou administrar o resultado e comemorar a conquista. Eleito o melhor jogador em campo, Zico foi premiado com um carro da Toyota, patrocinadora do torneio. O maior time da história conquistou o maior título da história do Clube, coroando um ano inesquecível, e chegando ao auge de uma geração que viria a conquistar muitos títulos ainda.O Clube de Regatas do Flamengo é um clube poliesportivo brasileiro com sede na cidade do Rio de Janeiro fundado para disputas de remo em 1895. Criado no bairro de mesmo nome, o clube mudou-se para o bairro da Gávea na primeira metade do século XX. Sua atuação no futebol iniciou-se em 1912. Suas maiores glórias neste esporte são o Mundial Interclubes e a Copa Libertadores de 1981. Além disso, detém ao lado do Botafogo, a maior seqüência invicta do futebol brasileiro, 52 partidas sem derrotas em 1979[1]. O Flamengo é o clube com o maior números de torcedores do Brasil e do mundo de acordo com pesquisas do IBOPE[2], Datafolha[3] e revista Mundo Estranho[4], respectivamente. Estima-se ter uma torcida entre 33 e 40 milhões de torcedores só no Brasil. Tais parâmetros indicam uma diferença de mais de 10 milhões de torcedores para a segunda colocada. Numa pesquisa feita pela FIFA, o Flamengo foi eleito o nono maior clube do século XX, segundo maior do Brasil e quarto maior das Américas. Em 2007, foi sancionado pelo governador Sérgio Cabral Filho o Dia do Flamengo[5]. A data comemorativa no calendário do estado do Rio de Janeiro homenageia a fundação do clube rubro-negro. Também em 2007, o prefeito da cidade do Rio de Janeiro César Maia tombou a Torcida do Flamengo[6] como Patrimônio Cultural da Cidade por promover espetáculos de alegria no Maracanã e em diversos estádios.A década de 80 foi a época mais importante na história do Flamengo. Ao conquistar quatro vezes o Campeonato Brasileiro, uma vez a Taça Libertadores da América e o Campeonato Mundial Interclubes, o Flamengo foi considerado O Time da Década. Embora já possuísse a maior torcida do Brasil, o Flamengo só conquistaria o Campeonato Brasileiro na década de 80. Com Zico na equipe, o rubro-negro conquistou seu primeiro título brasileiro em 1980, ao derrotar o Atlético Mineiro no Maracanã por 3 a 2, e Zico foi o artilheiro principal com 21 gols.1981 foi o ano mais especial da década para o Flamengo. Além de conquistar o Campeonato Carioca levantou a Taça Libertadores da América derrotando o Cobreloa do Chile por 2 a 0 , gols de Zico, na primeira participação do rubro-negro na competição. Depois, conquistou o Mundial de Clubes ao bater o Liverpool da Inglaterra por 3 a 0, em Tóquio. Zico ganhou o prêmio de melhor jogador da decisão. O Flamengo é o único clube carioca possuidor do título mundial. Além disso, houve outra façanha memorável pelo Campeonato Carioca deste ano: Zico e sua equipe conseguiram devolver a goleada de 6 a 0 imposta pelo Botafogo em 1972. Zico marcou o segundo e o quinto gol e Andrade fechou a goleada com um golaço. Em entrevista ao programa Jogos para sempre, do canal SporTV, em 2007, onde a partida homenageada fora justamente a citada goleada, Zico revelou que seus principais objetivos eram devolver esta goleada e dar ao Flamengo superioridade de vitórias sobre o Botafogo.
12 Aug 2009
6100
Share Video

1:11
2 - 0 Zico K.Senamuang Thailand v Singapore King Cup 37th
1 Jan 2007
3731
Share Video

3:17
Pesquisa elege os 11 maiores craques da seleção de todos os tempos.Em 1996, PLACAR ouviu 64 jornalistas, ex-jogadores estrangeiros e técnicos do Brasil em Copas e elegeu nossos 11 maiores craques.O Rei do futebol, única unanimidade Pelé foi o único a receber todos os 64 votos possíveis daquele colégio eleitoral. Não era para menos: afinal, o Rei cabeceava, lançava, driblava, fazia gols. Tudo com a mesma perfeição. Além disso, foi o jogador que mais gols marcou por uma Seleção em todos os tempos (95). O mais jovem a levantar a taça (17 anos e 8 meses, na Suécia, em 1958). E o único a vencer três Copas do Mundo até hoje.esmo jogando só a final de 1958, Djalma Santos foi apontado como o melhor lateral da competição.Domingos da Guia foi tão absoluto no Brasil que, para ter um companheiro à altura, foi preciso deslocar Carlos Alberto Torres para a zaga.o centroavante Leônidas da Silva de fora da Seleção de todos os tempos. Com 24 indicações, o inventor da bicicleta ficou à frente de monstros sagrados como Romário (14 votos), Ademir de Menezes (quatro), Vavá, bicampeão do mundo (um voto); e Arthur Friedenreich,Nílton Santos tinha técnica e dominava a arte de driblar como poucos atacantes.Garrincha sempre foi um semideus do futebol brasileiro, abaixo apenas de Pelé.Didi era um jogador clássico.Até a Copa do Mundo de 1950, nenhum jogador havia sido chamado de gênio. Zizinho mudou essa história.A Associação de Estatísticos de Futebol (AFS), situada na Inglaterra, escolheu os 100 melhores jogadores de futebol do mundo. Uma lista, que na minha opinião não está má, ela está péssima! Maradona como 6º melhor do mundo deve ser uma anedota! Para criar esta lista, a organização criou um sistema de pontuação, onde os atacantes são premiados por golos marcados e os defesas por jogos sem sofrer golos. Os jogadores desta lista conquistaram também pontos extras por títulos conquistados, partidas como capitães e o nível em que jogaram. Talvez por isso esta lista ser constituída desta forma! Apenas estas regras podiam ditar tais posições! Aqui está o top, que na minha opinião, não mostra a ordem dos melhores do mundo. Para isso, teriam que se usar outros quitérios.1.Pelé (Brasil)2.Ronaldo (Brasil)3.Romário (Brasil)4.Luís Figo (Portugal) 5.Zinedine Zidane (França)6.Diego Maradona (Argentina)7.Lothar Matthäus (Alemanha)8.Gerd Müller (Alemanha) 9.Franz Beckenbauer (Alemanha) 10.Cafu (Brasil) 11.Roberto Carlos (Brasil) 12.Marco van Basten (Holanda)13.Michel Platini (França)14.Rivaldo (Brasil) 15.Paolo Maldini (Itália)16.Zico (Brasil)17.Raúl (Espanha)18.Ruud Gullit (Holanda)19.Eusébio (Portugal)20.Ferenc Puskas (Hungria)21.Johan Cruyff (Holanda)22.Alfredo di Stefano (Argentina)23.Bobby Charlton (Inglaterra)24.Jürgen Klinsmann (Alemanha)25.Kenny Dalglish (Escócia) 26.Ali Daei (Irã)27.Karl-Heinz Rummenigge (Alemanha)28.Gabriel Batistuta (Argentina)29.Michael Laudrup (Dinamarca)30.Hristo Stoichkov (Bulgária)31.Dennis Bergkamp (Holanda) 32.Frank Rijkaard (Holanda)33.Thierry Henry (França)34.Pavel Nedved (República Checa)35.Gheorghe Hagi (Romênia)36.Peter Schmeichel (Dinamarca) 37.Andrei Shevchenko (Ucrânia)38.Sepp Maier (Alemanha)39.Didier Deschamps (França)40.Lilian Thuram (França) 41.Enzo Francescoli (Uruguai)42.Hakan Sukur (Turquia)43.Paolo Rossi (Itália) 44.David Beckham (Inglaterra)45.Jean-Pierre Papin (França) 46.Kevin Keegan (Inglaterra)47.Marcel Desailly (França) 48.Oliver Kahn (Alemanha)49.Alessandro Costacurta (Itália)50.Clarence Seedorf (Holanda)51.Dino Zoff (Itália) 52.Patrick Kluivert (Holanda)53.Jari Litmanen (Finlândia)54.Daniel Passarella (Argentina)55.Bixente Lizarazu (França)56.Gary Lineker (Inglaterra)57.Ronaldhino (Brasil) 58.Sylvain Wiltord (França)59.Bebeto (Brasil)60.Alessandro Del Piero (Itália) 61.Davor Suker (Croácia)62.Ryan Giggs (País de Gales)63.David Trezeguet (França)64.Demetrio Albertini (Itália) 65.Patrick Vieira (França)66.Jürgen Kohler (Alemanha)67.Laurent Blanc (França)68.Michael Owen (Inglaterra) 69.Youri Djorkaeff (França)70.Frank de Boer (Holanda)71.Emilio Butragüeño (Espanha)72.Hugo Sánchez (México) 73.Rudi Völler (Alemanha)74.Djalma Santos (Brasil)75.Giacinto Facchetti (Itália)76.Kanu (Nigéria)77.Franco Baresi (Itália)78.Gianni Rivera (Itália) 79.Roberto Baggio (Itália)80.Oscar Ruggeri (Argentina)81.Gheorghe Popescu (Romênia)82.Jon D. Tomasson (Dinamarca) 83.Raymond Kopa (França)84.Carlos Valderrama (Colômbia)85.Rui Costa (Portugal)86.Gary Neville (Inglaterra) 87.Edgar Davids (Holanda)88.Taffarel (Brasil)89.Paul Scholes (Inglaterra) 90.Diego Simeone (Argentina)91.Bryan Robson (Inglaterra)92.Roy Keane (Irlanda)93.Brian Laudrup (Dinamarca) 94.Henrik Larsson (Suécia)95.Fabien Barthez (França)96.Michael Ballack (Alemanha)97.Jan Koller (República Checa)98.Edwin van der Sar (Holanda) 99.Robert Pires (França)100.Johan Neeskens (Holanda)
2 Dec 2008
3001
Share Video

0:30
BEBETO Um dos maiores atacantes brasileiros nos anos 80 e 90, José Roberto Gama de Oliveira, o Bebeto, hoje mora no Rio de Janeiro (RJ) e trabalha como empresário. Depois que encerrou a carreira, Bebeto publicou o livro: "Você também pode ser feliz". Nele, o jogador conta um pouco da sua infância e sua história no futebol. Nascido em Salvador (BA), dia 16 de fevereiro de 1964, Bebeto começou a carreira nos infantis do Vitória (BA). Chegou a ser profissionalizado pelo rubro-negro da Boa Terra em 1983, mas no ano seguinte já vestia a camisa do Flamengo.No começo de trabalho na Gávea, Bebeto era apontado como sucessor ideal de Zico, que tinha deixado o Flamengo para defender a Udinese, da Itália. Aos poucos, o franzino jogador mostrava que tinha talento e poderia também fazer sucesso na equipe rubro-negra. Bebeto, na verdade, não era um meia autêntico como o Galinho, mas um atacante hábil e que também sabia fazer gols.Pelo Flamengo, Bebeto foi campeão carioca de 1986 e campeão da Copa União de 1987. Depois de brilhar quatro anos no time de maior torcida do país, Bebeto decidiu mudar de ares. E a saída da Gávea foi bastante polêmica. O atacante trocou o Flamengo pelo Vasco, em 1989.Logo em seu primeiro ano em São Januário, Bebeto foi peça fundamental na conquista do Campeonato Brasileiro de 1989. O time cruz-maltino, que tinha ainda Acácio, Luís Carlos Winck, Marco Aurélio, Célio Silva, Quiñonez, Mazinho, Zé do Carmo, Boiadeiro, Bismarck, William, Sorato, entre outros, bateu o São Paulo na final. Como não estava na melhor forma física, Bebeto ficou apenas na reserva da seleção brasileira de 1990 na Copa da Itália. A dupla de ataque titular do time comandado por Sebastião Lazaroni foi Careca (então do Napoli) e Muller (jogava no Torino).Em 1992, Bebeto deixou o Vasco da Gama para defender o Deportivo La Coruña, da Espanha. Viveu um bom momento no futebol espanhol, embora sua equipe não fosse considerada uma grande força do país. Barcelona, Real Madrid e Atlético Madrid eram os mais badalados. Em 1994, Bebeto teve finalmente a chance de disputar para valer uma Copa do Mundo. Ao lado de Romário, formou uma dupla de ataque que entrou para a história. Com os dois afinados, o Brasil comemorou o tetracampeonato nos Estados Unidos. Na final, o Brasil derrotou a Itália nos pênaltis, depois de ter empatado por 0 a 0 no tempo normal e prorrogação. O curioso é que Bebeto cobraria o quinto pênalti brasileiro naquela decisão, mas não foi necessário porque o italiano Roberto Baggio jogou para fora as chances da Azzurra.Pouco tempo depois de conquistar a Copa do Rei da Espanha pelo Deportivo La Coruña, em 19956, Bebeto retornou ao futebol brasileiro. Foi mais uma vez defender o Flamengo, que no ano anterior tinha investido muito na formação de um grande ataque no papel (Edmundo, Romário e Sávio) e que não tinha dado certo na prática. No Flamengo, Bebeto não conseguiu emplacar como em sua primeira passagem pela Gávea. Deixou o clube ainda no mesmo ano e retornou ao futebol espanhol, onde foi defender o Sevilla. Em 97, já estava de volta ao Brasil, desta vez para defender outro ex-clube: o Vitória.A contratação de Bebeto pelo rubro-negro baiano foi efetuada graças a uma parceria do clube com o banco Excel, o mesmo que na época também patrocinava o Corinthians. O Excel bancou para o Vitória o atacante Bebeto e levou para o Corinthians os meias Fábio Augusto e Fernando Diniz, o atacante Túlio Maravilha, os zagueiros Sangaletti e Antônio Carlos, o lateral-esquerdo André Luiz, entre outros. Com Bebeto, formando dupla com Agnaldo no ataque, o Vitória levantou a taça no Campeonato Baiano e também da Copa do Nordeste de 1997. Bebeto permaneceu no clube baiano também no segundo semestre, embora o Corinthians tenha tido muito interesse em tirá-lo do Barradão. Depois do Vitória, Bebeto defendeu o Botafogo, entre 1998 e 1999. Lá, ele foi campeão do Torneio Rio-São Paulo de 1998. Apesar de não ser o mesmo jogador de 1994, Bebeto também fora convocado para defender a seleção brasileira na Copa de 1998. Não chegou a ser uma grande decepção, mas também esteve longe de jogar um futebol igual ao da Copa dos Estados Unidos. Depois do Glorioso, o atacante defendeu ainda o Toroz Neza, do México (99), o Kashima Antlers, do Japão (2000), Vasco da Gama (2001 e 2002), Al Ittihad, da Arábia (2002), antes de encerrar a carreira de futebol. Seu último jogo oficial foi pelo time árabe contra o Flamengo de Guarulhos (SP), uma partida amistosa. JOGOS DE BEBETO PELO FLA Bebeto realizou 310 partidas com a camisa rubro-negra (170 vitórias, 78 empates e 62 derrotas) e marcou 151 gols (fonte: Almanaque do Flamengo - Clóvis Martins e Roberto Assaf).por Rogério Micheletti
1 Dec 2008
3030
Share Video

1:20
Campeonato Carioca de Futebol de 1979 foi vencido pelo Flamengo.Chamado oficialmente de I Campeonato Estadual de Futebol pela recém-criada Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro, o campeonato de 1979 seria o primeiro unificado entre os clubes da capital (antigo Estado da Guanabara) e do interior (antigo Estado do Rio de Janeiro, cuja capital era Niterói). Embora os estados tenham se unido em 1975, as entidades Federação Carioca de Futebol e Federação Fluminense de Futebol continuaram separadas por alguns anos graças à manobras políticas dos representantes cariocas, que não tinham interesse em enfrentar longas viagens ao interior para "cumprir tabela", dada à diferença técnica entre os participantes dos antigos Campeonato Carioca (de visibilidade nacional) e Campeonato Fluminense (considerado um dos campeonatos estaduais de "menor expressão" do Brasil).O "I Campeonato Estadual de Futebol" do novo Estado do Rio de Janeiro reunía os seis melhores clubes do Campeonato Carioca (America, Botafogo, Flamengo, Fluminense, São Cristóvão e Vasco e os quatro melhores do Campeonato Fluminense (Americano, Fluminense de Nova Friburgo, Goytacaz e Volta Redonda) da temporada anterior.Contudo, após a disputa do mesmo (título conquistado pelo Flamengo), a CBD considerou ilegal o critério desigual (mais vagas para os cariocas) utilizado pela FERJ, e forçou a mesma a organizar um novo campeonato "I Campeonato Estadual de Futebol" - dessa vez reunindo todos os participantes dos estaduais carioca e fluminense de 1978, num total de 18 participantes. O campeonato de 10 clubes, já concluído, foi renomeado para "Campeonato Estadual Especial de Futebol".Embora até hoje a nomenclatura oficial da competição unificada seja "Campeonato Estadual" a mídia e a opinião pública em geral chamam o campeonato freqüentemente de "Campeonato Carioca", por considerar que a identidade do antigo campeonato da Guanabara (com clubes considerados grandes e de visibilidade nacional) tenha prevalecido sobre o antigo Campeonato Fluminense (sem visibilidade e enfrentando desinteresse em seu próprio estado, onde a maioria da população acompanhava preferencialmente a competição carioca).A 74ª edição do Campeonato Carioca foi vencida pelo Flamengo, ganhador dos dois turnos de forma invicta.A então Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro decidiu organizar um campeonato logo no início do ano em função das incertezas sobre o Campeonato Brasileiro de 1979.Em seguida, um outro campeonato estadual, com mais clubes, seria organizado, pois a CBD se definiu por um campeonato brasileiro a começar apenas no fim do ano.O primeiro campeonato carioca de 1979 ficou então conhecido como "Especial".Arthur Antunes Coimbra (Rio de Janeiro, 3 de Março de 1953), mais conhecido como Zico, foi um dos maiores atacantes de futebol do Brasil. Se notabilizou mundialmente a partir da conquista da Taça Libertadores da América e do Campeonato Mundial de Clubes pela equipe carioca do Flamengo, bem como por suas participações pela seleção brasileira nas Copas de 1982 (Espanha) e 1986 (México). Atualmente é treinador do Fenerbahçe, da Turquia, e foi treinador da Seleção Japonesa de Futebol na Copa do Mundo da Alemanha em 2006. É considerado por muitos especialistas, profissionais do esporte e, em especial, os torcedores do Flamengo, o maior jogador brasileiro e o maior jogador da história do mundo. Atuou no Flamengo durante a maior parte de sua carreira, entre 1967 e 1989, com uma interrupção entre 1983 e 1985, período em que esteve na Itália, jogando pela Udinese. Não são poucos, também, os que o consideram como o melhor jogador de futebol dos anos 80.No Flamengo, Zico liderou a conquista de quatro (4) títulos nacionais, em 1980, 1982, 1983 e 1987, da Taça Libertadores da América e do Mundial Interclubes, em 1981, dentre diversos outros títulos, no período chamado de Era Zico. Por conta disso, é até hoje o maior ídolo da torcida do Flamengo.No Mundial Interclubes de 1981, o título mais importante do Flamengo, Zico e toda a equipe tiveram uma exibição primorosa contra o Liverpool FC, considerado pela imprensa o time europeu da década, tendo conquistado entre 1973 e até o jogo contra o Flamengo cinco campeonatos ingleses e três Copa dos Campeões da UEFA. Ao ser indagado sobre o favoritismo dos britânicos, Zico teria dito: eles são favoritos sim, mas para o segundo lugar, o que é até muito honroso.Tem uma esposa, Sandra, com quem teve três filhos: Júnior, Bruno e Tiago. Mede 1,72 cm, e pesa 72 kg.Em 1991, retornou ao futebol, para disputar o campeonato japonês. Seu retorno aos gramados, junto com outros jogadores famosos já aposentados ou em vias de se aposentar é hoje apontado como uma das maiores razões da popularização do futebol no Japão.Em 1994, deixou definitivamente de atuar como futebolista.
8 Dec 2008
2567
Share Video